Organizações se mobilizam pelo direito de defender causas

Após saber de sua ida ao segundo turno da disputa presidencial, o candidato Jair Bolsonaro (PSL) imediatamente proclamou que, se eleito, vai “botar um ponto final em todos os ativismos no Brasil”. Além de afrontar a Constituição Federal, que garante os direitos de associação e assembleia no Brasil, tal atitude significaria obstruir a ação de milhões de brasileiros que abraçam diversas causas, como combate à … Continuar lendo Organizações se mobilizam pelo direito de defender causas

Concepção de democracia e sua ascensão à condição de principal forma de organização política

CONCEPÇÃO DE DEMOCRACIA E SUA ASCENSÃO À CONDIÇÃO DE PRINCIPAL FORMA DE ORGANIZAÇÃO POLÍTICA Vilma Aparecida de Souza[1] Vanuza Aparecida de Souza[2]   Resumo: Este artigo trata do conceito de democracia e sua ascensão à condição de principal forma de organização política no mundo ocidental. Para tanto, buscou-se analisar a concepção de democracia hegemônica na segunda metade do século XX, considerando o contexto atual de … Continuar lendo Concepção de democracia e sua ascensão à condição de principal forma de organização política

Por que tanta gente se arrisca tanto para vive rnos EUA?

  POR QUE TANTA GENTE SE ARRISCA TANTO PARA VIVER NOS EUA? em diálogo com o texto de Diego Casagrande (http://www.metrojornal.com.br/m/#/artigo/348881) Por William Jorge Gerab Uma das vantagens econômicas dos países mais desenvolvidos é a de que conseguem puxar para o seu território grande parte das riquezas produzidas nos países sobre os quais mantêm algum contato e/ou controle econômico. Conseguem isso por diversos motivos, dentre … Continuar lendo Por que tanta gente se arrisca tanto para vive rnos EUA?

NOTA DE DESAGRAVO SOBRE PESQUISADORES DO IPEA

A Plataforma Política Social vem a público, apresentar NOTA DE DESAGRAVO em favor dos pesquisadores do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) Fabiola Sulpino Vieira (Doutora pela Universidade Federal de São Paulo) e Rodrigo Pucci de Sá e Benevides (Doutorando do Instituto de Medicina Social da UERJ). Seguindo a tradição e a missão institucional do Ipea, Fabíola e Rodrigo publicaram relevante contribuição ao debate sobre … Continuar lendo NOTA DE DESAGRAVO SOBRE PESQUISADORES DO IPEA

Copa e Olimpíada – Lições de planejamento e ética

“Acordo de manhã dividido entre o desejo de melhorar (ou salvar) o mundo e o desejo de desfrutá-lo (ou saboreá-lo). Isso dificulta o planejamento do meu dia.” (E. B. White) Zurique, Suíça, 30 de outubro de 2007. O Brasil é anunciado como palco paraa Copa do Mundo de 2014. Dois anos depois, mais precisamente em 2 de outubrode 2009, seria a vez do Rio de … Continuar lendo Copa e Olimpíada – Lições de planejamento e ética

O protagonismo feminino: uma análise da representatividade da figura feminina no programa bolsa família no município de Caxias – MA, no Bairro José Castro

Edna Maria da Silva Rocha [1] Francisca Pereira Castro Rocha [2]   Ivan Craveiro da Silva[3]   Maciane Pereira da Silva[4] publicado em 02/10/2010 http://www.partes.com.br/politica/protagonismofeminino.asp RESUMO Este artigo tem como foco central o protagonismo feminino e objetiva avaliar a representatividade da figura feminina no Programa Bolsa Família, no bairro José Castro, no município de Caxias – MA. Apoia-se nos resultados produzidos pelas pesquisas de aspectos qualitativo … Continuar lendo O protagonismo feminino: uma análise da representatividade da figura feminina no programa bolsa família no município de Caxias – MA, no Bairro José Castro

Acampamentos e assentamentos: um olhar sobre a nossa sociedade

José Reinaldo Felipe Martins Filho1 publicado em 02/09/2010 http://www.partes.com.br/politica/acampamentos.asp Roteiro: Com licença, por favor; Para início de Conversa; Nossa experiência concreta; Hierarquização de dados; Um olhar crítico sobre a realidade; Finalmente. Resumo: A proposta do presente texto é apresentar o fruto da experiência missionária junto aos Assentados e Acampados do município de Caiapônia, oeste do estado de Goiás, no período de 17 a 27 de … Continuar lendo Acampamentos e assentamentos: um olhar sobre a nossa sociedade

O Adolescente em Conflito com a Lei e as Medidas Sócio-Educativas Executáveis

Lucas Andrade Ananias1, Anahy Silveira Freitas Azambuja de Oliveira* publicado em 05/04/2010 http://www.partes.com.br/politica/adolescente.asp RESUMO Neste artigo, serão expostas considerações referentes às observações realizadas em uma Organização Não-Governamental do interior do Estado do Rio Grande do Sul, cujo objetivo é a execução das medidas socioeducativas a adolescentes em conflito com a lei, previstas pelo Estatuto da Criança e do Adolescente. O foco está na compreensão de … Continuar lendo O Adolescente em Conflito com a Lei e as Medidas Sócio-Educativas Executáveis

A opção dos vencidos ou “los massacres de la ciudadania”

João dos Santos Filho * publicado em 06/02/2010 como <www.partes.com.br/politica/vencidos.asp> Resumo: A adoção internacional expediente jurídico presente na maioria dos estados capitalistas se constitui em um crime “lesa pátria”, pois se apresenta como um instrumento capaz de qualificar o ser humano como mera mercadoria, onde o valor de uso e valor de troca são resguardados pelas leis do chamado estado de direito. Essas práticas de … Continuar lendo A opção dos vencidos ou “los massacres de la ciudadania”

resenha: A formação da classe operária.

ResenhaSinger, Paul, 1932- A formação da classe operária. São Paulo, Atual, 1994 (Discutindo a História) Paul Singer, economista, sociólogo, militante do PT (Partido dos Trabalhadores), aproveita seu passado de metalúrgico, nos anos 50, para escrever este pequeno livro sobre a formação da classe operária, da qual se considera pertencer.Singer, autor de diversos livros sobre economia política, entende a classe operária enquanto ao conjunto de pessoas … Continuar lendo resenha: A formação da classe operária.

A inconstitucionalidade da coisa julgada

Deraldo de Jesus Damasceno publicado em 02/02/2009 como<www,partes.com.br/cidadania/coisajulgada.asp> RESUMO Este artigo busca demonstrar que o instituto da coisa julgada, com previsão expressa na Constituição da República Federativa do Brasil, não pode ser absoluto, como parece pelo que demonstra algumas manifestações de tribunais pátrios, pois nenhum direito pode ser encarado dessa forma. Neste contexto, realçamos a grande importância do controle de constitucionalidade também sobre os atos … Continuar lendo A inconstitucionalidade da coisa julgada

TEMPOS DE CRISE OU OPORTUNIDADES?

Como um admirador e adepto da filosofia oriental que vive estes tempos de crise, prefiro acreditar que um mundo de oportunidades floresce em minha frente, sendo assim, compartilho com todos os amigos leitores a notícia da vinda do americano Dr. Stephen Paul Adler ao Brasil, ele é um dos maiores especialistas mundiais quando o assunto é Stress pós-Traumático e gerenciamento de crises traumáticas causadas por … Continuar lendo TEMPOS DE CRISE OU OPORTUNIDADES?

TEMPOS DE CRISE OU OPORTUNIDADES?

Como um admirador e adepto da filosofia oriental que vive estes tempos de crise, prefiro acreditar que um mundo de oportunidades floresce em minha frente, sendo assim, compartilho com todos os amigos leitores a notícia da vinda do americano Dr. Stephen Paul Adler ao Brasil, ele é um dos maiores especialistas mundiais quando o assunto é Stress pós-Traumático e gerenciamento de crises traumáticas causadas por … Continuar lendo TEMPOS DE CRISE OU OPORTUNIDADES?

Viva a democracia

Luemir Santana publicado em 09/11/2008 http://www.partes.com.br/politica/vivaademocracia.asp Ainda ontem passando pelo centro da cidade, me deparei com um senhor de meia idade que me disse: sabe meu filho, essa tal eleição não é tão ruim assim, movimenta a cidade, muitos trabalham, outros participam da festa, para te dizer a verdade, a política é a festa da democracia. Achei aquilo lindo, sua colocação foi de causar inveja … Continuar lendo Viva a democracia

Os tipos revolucionários

Os tipos revolucionários Por Gilberto da Silva O Revolucionário Permanente. Ele nunca está contente. Sempre há uma revolução para fazer, para ser completada. Aqueles que impedem estas ações revolucionárias são sempre denominados de reacionários, ou contras. Eles cantam o amanhã, mesmo após acordar com um sério desencanto. Não é preciso apenas mudar o mundo, é preciso mudar o Universo. É preciso muito e sempre e … Continuar lendo Os tipos revolucionários

Gestão fiscal responsável

Johnny L.Notariano publicado em 27/06/2008 http://www.partes.com.br/politica/gestaofiscal.asp É sempre bom lembrar as fontes e origens do erário público. É dinheiro que entra para os cofres do Governo e vem diretamente do bolso do cidadão que trabalha. Poderia até se pensar em cotas de ações, somos acionistas desse imenso País chamado Brasil. Podemos ir mais além, os políticos que administram nossas vidas, são remunerados por nós, portanto, … Continuar lendo Gestão fiscal responsável

Goiás das Desigualdades

Luemir Santana publicado em 02/06/2008 http://www.partes.com.br/politica/goiasdasdesigualdades.asp Goiás não teve este cuidado, tornando seu desenvolvimento não no todo, mas de forma desequilibrada, o Goiás do Sudoeste e Sul, não é o mesmo do Norte e Noroeste e assim sucessivamente. Talvez esta divisão em termo de progresso, esteja marcada também pelo limite das bacias hidrográficas, Araguaia Tocantins e bacia do Paraná, que mesmo de forma involuntária, serviu … Continuar lendo Goiás das Desigualdades

Disciplinar é preciso (os gastos públicos corporativos)

Johnny L.Notariano publicado em 20/04/2008 http://www.partes.com.br/politica/disciplinar.asp&gt; É notável a dinâmica da política econômica atualmente, a cada dia temos notícias e novidades surpreendentes relacionadas com o universo dos gastos públicos. A mídia descobre, explora o tema e as discussões se transformam em debates nos mais remotos cantos do País. No momento a ênfase jornalística está com os Cartões Corporativos, alvo de críticas de todos os tipos … Continuar lendo Disciplinar é preciso (os gastos públicos corporativos)

Lucros dos Banqueiros X Melhorias para a Maioria da População

Por William Jorge Gerab publicado em 13/08/2007 http://www.partes.com.br/politica/gerab/lucros.asp É impressionante como nos últimos 12 anos e oito meses os Presidentes da República de plantão são ciosos de resguardar os interesses dos banqueiros.  O atual Presidente, em segundo mandato, cutuca o seu predecessor (mandatário por oito anos) por ter ajudado os banqueiros com um tal Proer, enquanto ele próprio estaria se saindo melhor, pois os lucros … Continuar lendo Lucros dos Banqueiros X Melhorias para a Maioria da População