As duas resistências

AS DUAS RESISTÊNCIAS Margarete Hülsendeger   […] sei bem que nenhum livro jamais poderá contemplar ser humano nenhum, jamais constituirá em papel e tinta sua existência feita de sangue e de carne. Julián Fuks   Um livro pequeno. Um título que se confunde com outro título. Uma epígrafe retirada de um livro de mesmo nome. Uma história dentro de uma história. Uma narrativa que conta … Continuar lendo As duas resistências

O menino selvagem e as invariantes do humano

O menino selvagem e as invariantes do humano Publicado originalmente como http://www.partes.com.br/colunistas/gilbertosilva/meninoselvagem.asp José Carlos Rocha Gilberto da Silva   “tudo que é dito é dito por alguém” Humberto Maturana /Francisco Varela Victor d’Aveyron Em meados do século dezenove, em Paris, o jovem médico Jean-Jacques Gaspar Itard dá com um aglomerado de pessoas observando, na rua, um menino, enjaulado, a quem chamavam de menino-macaco. Com autorização … Continuar lendo O menino selvagem e as invariantes do humano

Convivendo com a timidez

Convivendo com a timidez Gilda E. Kluppel   Dos tempos de escola, as marcantes lembranças. Não por um mero acaso ainda recordo, enquanto criança, a professora, a pretexto de ajudar o corpo discente a superar as suas dificuldades, depois de uma longa explanação sobre a coragem em assumir os próprios “defeitos”, conclama os alunos para a frente da turma. O objetivo: os colegas apontarem as … Continuar lendo Convivendo com a timidez