SindusCon-SP: Construção teve baixa de 0,19% no número de empregos em maio


Foram demitidos 4.646 trabalhadores, chegando ao 32º mês consecutivo de cortes

de: Assessoria de imprensa SindusCon-SP

A variação na redução do número de postos de trabalho na construção civil no mês de maio foi de 0,19%, resultando em queda pouco superior à de abril, que ficou em 0,04% em relação a março. O mês de maio é o 32º, consecutivo, em que são realizadas demissões na construção civil, que perdeu mais 4.646 trabalhadores.

O estoque de trabalhadores no setor foi reduzido para pouco mais de 2,4 milhões. Em 12 meses, a queda foi de 12,07%. Em outubro de 2014, primeiro mês de variação negativa, o estoque era de 3,57 milhões. Desconsiderando os efeitos sazonais*, a queda é de 0,48%.

Os dados são da pesquisa realizada pelo Sindicato da Indústria da Construção Civil do Estado de São Paulo (SindusCon-SP) em parceria com a Fundação Getulio Vargas (FGV), com base em informações do Ministério do Trabalho e do Emprego (MTE).

O nível de emprego na construção segue caindo nas três maiores regiões do país empregadoras de mão de obra (Nordeste, Sudeste e Sul) e na maioria das regiões do Estado de São Paulo, observa o vice-presidente de Economia do SindusCon-SP, Eduardo Zaidan. “Se há algum descolamento da economia real da crise política, isso ainda não chegou à indústria da construção como um todo”, comenta.

Segmentação 
Em maio, na comparação com abril, os segmentos que mais apresentaram queda foram Imobiliário (-0,8%) e Outros Serviços (-0,62%). Apresentaram alta no mês Infraestrutura (1,37%) e Preparação de Terreno (0,26%).

Em 12 meses, as maiores baixas são Imobiliário (-15,52%) e Obras de Acabamento  (-12,70%).

Por regiões
Das cinco regiões do Brasil, três registraram queda: Sudeste (-0,42%), Nordeste (-0,25%) e Sul (-0,08%). Os piores números no Sudeste foram registrados em São Paulo (-0,72%) e no Rio de Janeiro (-0,64%). No Nordeste, os estados que tiveram quedas mais significativas foram Sergipe (-1,49%) e Pernambuco (-1,06%). No Sul, tiveram pior desempenho Rio Grande do Sul (-0,6%) e Santa Catarina (-0,27).

Já as regiões Norte e Centro-Oeste registraram alta de 0,69 e 0,61, respectivamente. Os estados de Roraima (3,79%) e Tocantins (3,27%) puxaram os números do Norte. No Centro-Oeste os estados de Mato Grosso (1,87%) e Goiás (1,34%)

  Emprego por regiões do Brasil (maio 2017)  
Região Variação Mensal (%) Variação absoluta do estoque
Centro-Oeste 0,61 197.332
Nordeste -0,25 485.990
Norte  0,69 132.930
Sudeste -0,42 1.245.666
Sul -0,08 404.846
Brasil (Total) -0,19 2.466.764

** Os dados da tabela consideram os fatores sazonais

Estado de São Paulo 
No Estado de São Paulo, o mês de maio encerrou com estoque de 679.537, queda de 0,72% em relação abril, com perda de 4.940 vagas. Em 12 meses a construção paulista acumula perdas de 83.577 postos de trabalho.

Na avaliação segmentada, os itens Outros serviços (-1,49%) e Imobiliário (-1,33%) foram os que mais demitiram. Por outro lado, os segmentos Infraestrutura (0,66%) e Preparação de Terreno (0,13%) tiveram resultados positivos.

Entre as Regionais do SindusCon-SP, as maiores altas foram em Santo André (0,47%) e Bauru (0,3%). As baixas mais significativas foram registradas em Sorocaba (-1,69%) e Presidente Prudente (-1,37%).

Emprego por regiões do Estado de São Paulo (maio de 2017)**
Região Variação Mensal (%) Variação Absoluta do Estoque
 
Bauru 0,30 89
Campinas -0,05 -39
Presidente Prudente -1,37 -120
Ribeirão Preto -0,93 -451
Santo André 0,47 189
Santos -1,15 -229
São José do Rio Preto -1,33 -391
São José dos Campos -1,02 -591
São Paulo (sede) -0,70 -2.074
Sorocaba -1,69 -1323

** Os dados da tabela consideram os fatores sazonais

 *A dessazonalização é um tratamento estatístico que tem como objetivo retirar efeitos que tipicamente acontecem em um mesmo período do ano.

Anúncios


Categorias:Economia, economia, emprego, Trabalho

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s