MPF em Ribeirão Preto move novas ações para que seis municípios controlem frequência de médicos e dentistas

Ações foram propostas entre 18 de maio e 2 de junho e pedem também outras medidas para facilitar o controle do SUS pela população
O Ministério Público Federal em Ribeirão Preto ajuizou seis novas ações civis públicas com pedidos de liminar para fazer com que seis municípios da região: Serrana, Viradouro, Sales de Oliveira, Jardinópolis, Cássia dos Caqueiros e Vista Alegre do Alto sejam obrigados a implementar e exigir o controle eletrônico biométrico de frequência para todos os servidores públicos da área da saúde, em especial, para os médicos e dentistas, para garantir pontualidade e frequência.
As ações também objetivam garantir o implemento de mecanismos de controle que inibam irregularidades nos serviços executados pelo SUS, propiciando aos seus usuários a efetiva fiscalização sobre a qualidade da prestação dos serviços, com base na devida transparência dos atos do executivo municipal.
As ações se baseiam em inquéritos civis instaurados pelo MPF, que inspecionou serviços de saúde nos seis municípios acionados constatando diversas irregularidades e recomendações a estas cidades, visando a adequação. Alguns municípios cumpriram parcialmente o recomendado, mas a maioria precisa restabelecer meios de controle do ponto dos profissionais de saúde.
Os municípios que insistem em liberar o ponto de médicos e dentistas, no entender do procurador da República Carlos Roberto Diogo Garcia, autor das ações civis, violam vários princípios constitucionais: os da legalidade, impessoalidade, eficiência, razoabilidade, o da máxima efetividade dos direitos fundamentais sociais, o da supremacia do interesse público e moralidade administrativa e o direito à informação dos moradores destas cidades.
“A falta de controle da presença dos profissionais de saúde expõe injustificadamente o cidadão e todo o sistema de saúde a um ambiente de ausência de controle (interno, externo e social) da prestação do serviço da Estratégia de Saúde de Família e a verificação se os recursos federais transferidos estão sendo bem gastos”, afirma o procurador.
PEDIDOS DO MPF NAS AÇÕES. Confira a seguir os pedidos liminares em cada uma das ações propostas pelo MPF e acesse as íntegras de cada uma delas clicando no número da ação:
 
MUNICÍPIO PEDIDOS NÚMERO DA AÇÃO
Serrana 1) controle eletrônico de frequência para todos os servidores da saúde, sem exceção 0005617-84.2016.403.6102
2) salas de recepção de todas as unidades de saúde: quadros que informem nomes de médicos e dentistas naquele dia, especialidade, início e término de sua jornada
3) na internet, informações atualizadas de horários e local de trabalho de médicos que atuem no SUS
4) registro de frequência disponível nas unidades de saúde
5) estabeleça rotinas para fiscalizar os itens acima
Viradouro 1) controle eletrônico de frequência para todos os servidores da saúde, sem exceção 0005618-69.2016.403.6102
2) salas de recepção de todas as unidades de saúde: quadros que informem nomes de médicos e dentistas naquele dia, especialidade, início e término de sua jornada
3) na internet, informações atualizadas de horários e local de trabalho de médicos que atuem no SUS
4) registro de frequência disponível nas unidades de saúde
5) certidão negativa de atendimento
6) estabeleça rotinas para fiscalizar os itens acima
Sales de Oliveira 1) controle eletrônico de frequência para todos os servidores da saúde, sem exceção 0005486-12.2016.403.6102
2) na internet, informações atualizadas de horários e local de trabalho de médicos que atuem no SUS
3) certidão negativa de atendimento
4) estabeleça rotinas para fiscalizar os itens acima
Jardinópolis 1) controle eletrônico de frequência para todos os servidores da saúde, sem exceção 0005377-95.2016.4.03.6102
2) salas de recepção de todas as unidades de saúde: quadros que informem nomes de médicos e dentistas naquele dia, especialidade, início e término de sua jornada
3) na internet, informações atualizadas de horários e local de trabalho de médicos que atuem no SUS
4) registro de frequência disponível nas unidades de saúde
5) certidão negativa de atendimento
6) estabeleça rotinas para fiscalizar os itens acima
Cássia dos Coqueiros 1) controle eletrônico de frequência para todos os servidores da saúde, sem exceção 0005223-77.2016.4.03.6102
2) na internet, informações atualizadas de horários e local de trabalho de médicos que atuem no SUS
3) certidão negativa de atendimento
4) estabeleça rotinas para fiscalizar os itens acima
Vista Alegre do Alto 1) controle eletrônico de frequência para todos os servidores da saúde, sem exceção 0005222-92.2016.4.03.6102
2) salas de recepção de todas as unidades de saúde: quadros que informem nomes de médicos e dentistas naquele dia, especialidade, início e término de sua jornada
3) na internet, informações atualizadas de horários e local de trabalho de médicos que atuem no SUS
4) registro de frequência disponível nas unidades de saúde
5) certidão negativa de atendimento
6) estabeleça rotinas para fiscalizar os itens acima
OUTRAS AÇÕES E RECOMENDAÇÕES. Desde 2013, o MPF em São Paulo vem recomendando ou propondo ações civis públicas em dezenas de municípios do Estado com pedido para que as cidades adotem o controle de frequência de médicos e dentistas lotados nos serviços do SUS. O MPF também tem ações e recomendações visando que os municípios estabeleçam a rotina de fornecer certidões negativas de atendimento a pacientes que vão às unidades de saúde e, eventualmente, não sejam atendidos.
Para acompanhar a tramitação das ações, acesse http://www.jfsp.jus.br/foruns-federais/
Anúncios


Categorias:Justiça, Saúde

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: