Mapa dos Caminhos – Desmatamento e Degradação Florestal

O Centro de Estudos em Sustentabilidade (GVces) da Escola de Administração de Empresas da Fundação Getulio Vargas (FGV-EAESP) é um espaço aberto de estudo, aprendizado, reflexão, inovação e de produção de conhecimento, composto por pessoas de formação multidisciplinar, engajadas e comprometidas, e com genuína vontade de transformar a sociedade.
A equipe do GVces passou 18 meses em campo analisando o cumprimento de condicionantes da usina de Belo Monte, e produziu análises em cinco áreas de atenção: saúde indígena, proteção territorial indígena, desmatamento e degradação florestal, deslocamentos compulsórios no meio rural e saneamento em Altamira.

O desmatamento indireto é um fenômeno comum associado a grandes obras de infraestrutura, em razão de aquecimento econômico, abertura de novas áreas produtivas e novas ocupações.

Para Belo Monte, esse risco não foi abordado de maneira estratégica pra todo o território, motivando apenas ações pontuais de apoio à fiscalização ambiental. Embora a condicionante correspondente tenha sido cumprida, as pressões sobre áreas protegidas, sobretudo na Terra do Meio, intensificaram-se.

Acesse a publicação abaixo, faça download, compartilhe!

degradacaoambiental

Ou clique aqui

 

Anúncios


Categorias:Notas

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: