Aldemir Gomes conquista a 3ª de ouro no Brasileiro Caixa Sub-23

Aldemir Gomes Junior (Fernanda Paradizo/CBAt)


São Paulo – Aldemir Gomes Júnior (RJ) teve um fim de semana perfeito. Ele conquistou três medalhas de ouro no Campeonato Brasileiro Caixa Sub-23, que termina na tarde deste domingo, dia 7, no Estádio Adhemar Ferreira da Silva, no Centro Olímpico de Treinamento e Pesquisa, na Vila Clementino, em São Paulo (SP). 

Além das medalhas, o atleta que integrou a equipe olímpica do Brasil em Londres-2012, bateu o recorde do torneio nos 100 m e ajudou o time carioca a fazer o mesmo no 4×100 m. Nos 200 m, na manhã deste domingo, venceu com 20.64 (0.6), igualando a marca de Bruno Pacheco, recorde da competição desde 2005.
“Acho que os resultados poderiam ser até um pouco melhores”, lembrou o carioca de 22 anos, que correu os 200 m em 20.32 (-1.0) este ano. “No Sul-Americano do Uruguai e no Troféu Brasil, quero tentar correr mais rápido”, completou, referindo-se ao Sul-Americano Sub-23 de Montevidéu e ao Troféu Brasil Caixa de São Paulo, marcados para outubro.

Nos 5.000 m, Daniel Ferreira do Nascimento, que completou 16 anos no último dia 28, conquistou a medalha de ouro, com o tempo de 14:32.05. Classificado para o Sul-Americano do Uruguai, Daniel quebrou o recorde sul-americano da prova da categoria menores (até 17 anos), que pertencia a Weverton Fidelis, com 14:32.5, desde 2013. Weverton (PR), campeão dos 1.500 m do Sub-23, neste sábado, terminou em terceiro nos 5.000 m, com 14:39.27, atrás de Victor Vinícius Alves (MT), com 14:38.90, segundo colocado.

Atleta de grande potencial, que treina com Alex Sandro Lopes na Orcampi/Unimed, em Campinas (SP), o atleta paulista representou o Brasil nos Jogos Olímpicos da Juventude, em agosto, em Nanquim, na China, ficando em segundo lugar na final B dos 2.000 m com obstáculos, com 6:01.84.

“Estou muito contente com o que está acontecendo na minha vida. Agradeço a todos os que me apoiam”, comentou o atleta nascido na cidade de Paraguaçu Paulista.

Nos 10.000 m, a mineira Adriana Cristina da Luz comemorou a sua segunda medalha de ouro, depois de ter vencido na véspera os 5.000 m. Na verdade, a atleta que nasceu no Maranhão e adotou a cidadania de Minas Gerais há 9 anos comemorou o bicampeonato brasileiro nas duas provas. Os primeiros títulos foram conquistados em 2012, me Maringá (PR).

“Depois de correr muitas provas de rua, estou voltando para as pistas há quatro meses. É muito diferente. É muito mais rápido”, disse, feliz, com mais duas medalhas de ouro na carreira. 

Outra atleta a ganhar duas de ouro foi a Izabela Rodrigues (SP), campeã do disco e do peso. Ela é a atual campeã mundial de juvenis do lançamento do disco.

No salto em altura, Fernando Carvalho Ferreira (SP) quebrou o recorde do torneio, com 2,21 m. O anterior era de 2,20 m, dividido por Talles Frederico Silva e Rafael Uchona, ambos de 2012.

Após oito provas no decatlo, Yuri Faustino da Silva (SP) mantém a liderança da competição, com 5.969 pontos. Renato Linhares dos Santos (SP) está em segundo lugar, com 5.824, seguido de Karinde Hilário da Silva (RJ), com 5.590.

Antes do início da terceira etapa da competição, houve uma comemoração especial em função do Dia da Independência. Foram hasteadas as bandeiras do Brasil, do Estado de São Paulo e da Cidade de São Paulo. Todos os presentes nas arquibancadas foram convidados a ouvir o Hino Nacional Brasileiro.

Na classificação parcial, após três etapas, São Paulo lidera com 50 medalhas (14 de ouro, 21 de prata e 15 de bronze), seguido por Rio de Janeiro, com 15 (6, 5 e 4) e pelo Paraná, com 7 (3, 0 e 4).

O Campeonato Brasileiro Caixa Sub-23 é uma realização da Confederação Brasileira de Atletismo, com co-realização da Federação Paulista de Atletismo, patrocínio da Caixa Econômica Federal e apoio do Governo do Estado de São Paulo.

Pódio da manhã deste domingo

5.000 m
1-Daniel Ferreira do Nascimento (SP) – 14:32.05
2-Victor Vinícius Alves (MT) – 14:39.90
3-Weverton Fidelis (PR) – 14:39.27

Arremesso do peso
1-William Braido (SP) – 18,63 m
2-William Denilson Dourado (SP) – 18,00 m
3-Rogério Almeida de Souza (SP) – 16,54 m

Salto em altura
1-Fernando Carvalho Ferreira (SP) – 2,21 m (RC)
2-Josué Lima da Costa (SP) – 2,19 m
3-Almir Cunha dos Santos (RS) – 2,16 m

Lançamento do dardo
1-Fernando Norbal Martins (MT) – 66,56 m
2-Maurício de Brito Filgueiras (SP) – 64,28 m
3-Carlos Alberto Barbosa (RJ) – 64,10 m

200 m (0.6)
1-Aldemir Gomes Junior (RJ) – 20.64 (Igualou RC)
2-Antonio Cesar Rodrigues (SP) – 20.78
3-Pedro Burmann (RS) – 21.16

200 m (0.8)
1-Karina da Rosa (SC) – 23.96
2-Bruna Jessica Farias (RJ) – 24.06
3-Tatiane dos Santos Pereira (SP) – 24.22)

10.000 m
1-Adriana Cristina da Luz (MG) – 36:26.24
2-Jessica Ladeira Soares (RJ) – 37:33.84
3-Nilva Pereira Nunes (BA) – 38:36.54

Salto em distância
1-Paula Catarina Neves (SP) – 6,40 m (0.9)
2-Jéssica Carolina dos Reis (SP) – 6,09 m (1.1)
3-Gabriele Sousa dos Santos (SP) – 6,08 m (-0.7)

Arremesso do peso
1-Izabela Rodrigues (SP) – 15,91 m
2-Esthefania Ribeiro da Costa (SP) – 15,46 m
3-Livia Avancini (PR) – 15,32 m

RC = Recorde do Campeonato

 Da Assessoria de Imprensa da CBAt

Anúncios


Categorias:Aldemir Gomes Júnior (RJ), Centro Olímpico de Treinamento e Pesquisa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: