O Porco do Natal

Aparecida Luzia de Mello* publicado em 18/01/2010 http://www.partes.com.br/contos/porcodonatal.asp   Foi logo após o almoço de Ano Novo, com a mesa farta e a família reunida que, sem querer, começou o jogo da memória. Alguém falou sobre o antigo sabonete “Vale Quanto Pesa”. Este era o sabonete da família. Seu preço era acessível, seu tamanho – enorme – todavia ao lembrar seu cheiro horrível, as filhas … Continuar lendo O Porco do Natal

Nascer, trabalhar e aposentar (humorizando tudo)

(Autor: Antonio Brás Constante)Em tempos de férias podemos dizer que trabalhar nunca matou ninguém (favor desconsiderar desta afirmativa todas as pessoas mortas em acidentes de trabalho, já que para alguns o que causou suas mortes foi o acidente em si e não o trabalho), claro que a referida frase deve ter sido inventada por algum tirano, tentando justificar as dezesseis horas de trabalho escravo impostas … Continuar lendo Nascer, trabalhar e aposentar (humorizando tudo)

Museu do Futebol – Férias e Exposição Ora, Bolas!

Quem for ao Museu do Futebol nas férias de janeiro poderá se divertir com as atividades especiais para a temporada. As atividades acontecem todas as quintas e também aos finais de semana. Além dos jogos, os visitantes podem conferir a mostra “Ora, Bolas! O Futebol pelo Mundo”. Fotos mostram que um jogo de futebol pode ser improvisado em plena Muralha da China, num mosteiro budista … Continuar lendo Museu do Futebol – Férias e Exposição Ora, Bolas!

Museu do Futebol – Férias e Exposição Ora, Bolas!

Quem for ao Museu do Futebol nas férias de janeiro poderá se divertir com as atividades especiais para a temporada. As atividades acontecem todas as quintas e também aos finais de semana. Além dos jogos, os visitantes podem conferir a mostra “Ora, Bolas! O Futebol pelo Mundo”. Fotos mostram que um jogo de futebol pode ser improvisado em plena Muralha da China, num mosteiro budista … Continuar lendo Museu do Futebol – Férias e Exposição Ora, Bolas!

Uma ação inclusiva de um professor de inglês

Rômulo de Andrade Faria publicado em 18/01/2010 <www.partes.com.br/emquestao/acaoinclusiva.asp> A Educação Inclusiva tem sido considerada um dos maiores desafios do sistema educacional brasileiro. E a cada dia que passa o ensino inclusivo vem conquistando o seu merecido espaço e respeito em todo o país. No entanto, há 10 anos, quando comecei a dar aulas de inglês, ainda não havia tido contato com tal assunto nem pensava … Continuar lendo Uma ação inclusiva de um professor de inglês

Tristes Anos Novos na “terra dos nambiquaras”

Pedro Coimbrappadua@navinet.com.brA noite de 31 de dezembro de 1988 estava escura e um chuvisco teimava em cair sobre as nossas cabeças.Estávamos na casa de nossos amigos Aloísio Rodrigues, “o Peça” e sua mulher Solange, conversando e bebericando na comemoração do Ano Novo.Ao longe o som dos primeiros rojões e a luz dos fogos artifícios.Foi quando alguém trouxe a notícia de que pelo menos 51 pessoas … Continuar lendo Tristes Anos Novos na “terra dos nambiquaras”

Tristes Anos Novos na “terra dos nambiquaras”

Pedro Coimbrappadua@navinet.com.brA noite de 31 de dezembro de 1988 estava escura e um chuvisco teimava em cair sobre as nossas cabeças.Estávamos na casa de nossos amigos Aloísio Rodrigues, “o Peça” e sua mulher Solange, conversando e bebericando na comemoração do Ano Novo.Ao longe o som dos primeiros rojões e a luz dos fogos artifícios.Foi quando alguém trouxe a notícia de que pelo menos 51 pessoas … Continuar lendo Tristes Anos Novos na “terra dos nambiquaras”

Nascer, trabalhar e aposentar (humorizando tudo)

(Autor: Antonio Brás Constante)Em tempos de férias podemos dizer que trabalhar nunca matou ninguém (favor desconsiderar desta afirmativa todas as pessoas mortas em acidentes de trabalho, já que para alguns o que causou suas mortes foi o acidente em si e não o trabalho), claro que a referida frase deve ter sido inventada por algum tirano, tentando justificar as dezesseis horas de trabalho escravo impostas … Continuar lendo Nascer, trabalhar e aposentar (humorizando tudo)